Com o fim da isenção do crédito presumido do PIS/Cofins aos importadores e produtores de etanol, prevista na Lei 12.859/2013, os preços do etanol e da gasolina poderão, a partir deste 1o de janeiro, ser majorados. Certamente, produtores de etanol e distribuidores de combustíveis vão repassar adiante o aumento de aproximadamente R$ 0,12/l no etanol hidratado e de R$ 0,035/l na gasolina. Que farão os postos, onde é muito maior a concorrência? Repassarão ao consumidor ou “vão segurar o tranco”, reduzindo sua margem?

LEI 12.859/2013 extingue crédito presumido de PIS/Cofins

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *