08/11/2019 – A Liquigás, subsidiária da Petrobras, até aqui segunda maior do mercado nacional de GLP, popularmente conhecido como gás de cozinha, foi comprada (quinta-feira, dia 7) pelo consórcio Copagaz, Itaúsa e Nacional Gás Butano,  por R$ 3,7 bilhões.

De uma hora para outra sai a Liquigás e duas empresas menores, passam a liderar o mercado de distribuição de GLP – Gás Liquefeito de Petróleo. A Copagaz, que tinha 9% do mercado, crescerá para 27%; e a Nacional Gás, até aqui com 18%, passa a 23%, mesmo percentual da Ultragaz, que, de líder, passa para terceira posição.

A operação de compra ainda será apreciada pelo CADE – Conselho Administrativo de Defesa Econômica.

Reviravolta no mercado de GLP – Sai a Liquigás

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *